PALMEIRAS X GRÊMIO: DECISÃO DAS QUARTAS DE FINAL DA LIBERTADORES 2019!!! PANORAMA PRÉ JOGO.

Análise pré jogo das quartas de finais da libertadores: Palmeiras x Grêmio

Veja as escalações, análises e o que esperar do confronto decisivo




















Prováveis escalações
  • GRÊMIO: Paulo Victor; Léo Gomes, Geromel, Kannemann e Cortez; Maicon e Matheus Henrique; Éverton, Jean Pyerre e Alisson; André. Téc: Renato Gaúcho.

  • PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Bruno Henrique e Scarpa; Willian, Luiz Adriano e Dudu. Téc: Felipão.




➤ Análise do confronto: 

     Às 21:30, no Pacaembu (SP), a bola rola pro 2º jogo da decisão das quartas de final da Copa Conmebol Libertadores da América pro embate entre Palmeiras e Grêmio.  
     O time paulista vai pro jogo com o 4-3-3 clássico adorado pelo Felipão com o artilheiro da Libertadores com 6 gols até então, Gustavo Scarpa, como um meia atacante mais avançado. Uma modificação é a entrada do volante Thiago Santos na vaga de Felipe Melo que está suspenso. No resto, o Palmeiras vai com o que tem de melhor a sua disposição para fazer valer a vantagem e garantir a classificação. A formação escolhida não indica um Palmeiras altamente defensivo, mas a tendência é um comportamento cauteloso do time, sobretudo nos minutos iniciais que devem ser de pressão do time gaúcho. Felipão deve apostar na versatilidade e velocidade dos seus jogadores pra defender com nove em um 4-1-4-1 e apostar nos quatro jogadores mais avançados + Bruno Henrique na puxada de contra-ataque, bem como na subida forte com a bola dos excelentes Marcos Rocha e Diogo Barbosa. O Palmeiras vai precisar ser eficiente na marcação para conter os pontas Alisson e o "embaçado" Éverton Cebolinha, talvez por isso a opção por Bruno Henrique e Thiago Santos um pouco mais presos para efetuar a cobertura dos laterais do Palmeiras, evitando que eles fiquem no 1 contra 1 com os extremos do Grêmio. 
       Já o tricolor gaúcho vai a campo com o mesmo time do jogo de ida na Arena, armado em um 4-2-3-1 com sua trinca de jogadores jovens e rápidos que trocam bastante de posição. O esquema montado por Renato Gaúcho aposta em uma marcação alta para forçar o erro do time adversário e na verticalidade para definição rápida da jogada. Precisando do resultado, o Grêmio deve fazer um início de jogo de muita intensidade no campo do Palmeiras em bloco alto e médio, subindo pra pressionar os zagueiros e sufocando o meio de campo para a recuperação da posse de bola. A tendência é de um Grêmio ofensivo e vertical, mas também paciente, valorizando a posse e trocando passes pra achar espaço na defesa do Palmeiras. Como espera-se que o time paulista marque de forma bem compacta, o Grêmio deve apostar nas inversões rápidas de jogo para quebrar o sistema defensivo encontrando Éverton e Alisson de mano com os laterais do adversário cuja característica de drible dos dois seria letal. Outra aposta ofensiva deve ser o arremate de média distância com os talentosos Jean Pyerre e Matheus Henrique.
          Em suma, a decisão deve ser bastante movimentada e a chance de um jogo burocrático e sem gols é bem baixa. Ao contrário do que tem circulado na grande mídia, não deve ser jogo de um time só, um ataque contra defesa, apesar da postura mais retraída do Palmeiras ser praticamente uma certeza. O Grêmio deve sim ter o controle da maior parte do jogo pela sua característica de manutenção da posse de bola, mas no Pacaembu, diante da sua torcida, o time de Felipão promete dificultar ao máximo a troca de passes gremista e tentar fazer valer o seu posto de equipe que melhor finaliza na competição (2,8 finalizações necessária para fazer 1 gol). Por fim, em uma partida com tantos talentos, Dudu x Éverton, é difícil imaginar poucos gols. Jogaço garantido às 21:30 com transmissão da Fox Sports Brasil.

Palpites do Cartão: 
Nenhum vermelho (Felipe Melo não joga)
Palmeiras (2) X (2) Grêmio 




Comentários